Ester - O Cristao e o cuidado de Deus

Ester – Deus intervém através de suas ações

O-Cristao-e-o-cuidado-de-Deus
O Cristão e o cuidado de Deus
7 de fevereiro de 2021
Deus age em favor dos que o temem
Ester – Deus Trabalha em Favor dos que Nele Confiam
28 de fevereiro de 2021

Ester – Deus intervém através de suas ações

Deus intervem atraves de suas ações

Ester não se corrompeu com o sistema e, apesar de estar intimamente inserida nele, continuou fiel a Deus e ao seu povo.

Deus intervem atraves de suas ações

Ester 4  13 Mardoqueu enviou esta resposta a Ester: “Não pense que por estar no palácio você escapará quando todos os outros judeus forem mortos.  14 Se ficar calada num momento como este, alívio e livramento virão de outra parte para os judeus, mas você e seus parentes morrerão. Quem sabe não foi justamente para uma ocasião como esta que você chegou à posição de rainha?”.  15 Então Ester enviou esta resposta a Mardoqueu:  16 “Vá, reúna todos os judeus de Susã e jejuem por mim. Não comam nem bebam durante três dias e três noites. Minhas criadas e eu faremos o mesmo. Depois, irei à presença do rei, mesmo que seja contra a lei. Se eu tiver de morrer, morrerei”.

Não imagine que . . . só tu escaparás. Mordecai fê-la lembrar da posição perigosa na qual ela própria se encontrava, especialmente porque sua recusa em ajudar o povo de Deus nesta hora de crise traria o juízo divino sobre ela e sua família, enquanto que o alívio e o livramento de outra parte se levantará para os judeus (v. 14). Mordecai conhecia a promessa de Deus e a história de Israel bem demais para duvidar disso por um momento que fosse. Falando-se claramente, Deus podia muito bem tê-la feito rainha da Pérsia por causa da crise que Ele sabia que seria desencadeada através da ira de Hamã! Esta passagem é uma chave para o significado básico de todo o livro, isto é, demonstrar a providência infalível de Deus em benefício do Seu povo, Israel. Mordecai insinuou isto com bastante clareza e seu pedido era irresistível.

15-17. Jejuar por mim . . . por três dias (v. 16). Aqui não se menciona oração, mas está implícita (cons. Joel 1:14). Eu e as minhas servas também jejuaremos. Possivelmente eram moças judias ou prosélitas às quais Ester teria ensinado a orar. Se perecer, perecerei. Este não é um fatalismo cego, ou uma resignação desesperada (cons. Gn. 43:14), mas antes uma confiança na vontade e sabedoria divinas (cons. Jó 13:15; Dn. 3:17,18 ).

Moody

4.11-5.2 Ester arriscou sua vida ao ir ante o rei. Seu ato valoroso é um modelo que devemos seguir ao enfrentar uma dificuldade ou uma tarefa perigosa. Como ela, devemos: (1) Calcular o custo : Ester se deu conta de que sua vida pendia de um fio. (2) Estabelecer prioridades. Acreditou que a segurança da raça judia era mais importante que sua vida. (3) Preparar. Procurou apoio e jejuou. (4) Determinar nosso curso de ação e partir para frente com valor. Não o pensou muito, por isso não permitiu que o interlúdio diminuíra seu compromisso com o que devia fazer.

Tem que enfrentar-se a um público hostil, confrontar a um amigo sobre um tema delicado, ou falar com sua família a respeito das mudanças que se devem fazer? Em vez de temer às situações difíceis ou as adiar, atue com confiança seguindo o exemplo inspirador do Ester.

4.13 Apesar de que Ester era a rainha e compartilhava algo da riqueza e do poder do rei, sua posição não significava que não necessitasse o amparo e a sabedoria de Deus. Nenhum humano em nenhum sistema político está seguro com sua própria força. É parvo pensar que a riqueza ou a posição nos podem fazer imunes ao perigo. A liberação só provém de Deus.

4.13, 14 Depois que se emitiu o decreto para matar aos judeus, Mardoqueo e Ester puderam haver-se desesperado, desejando só salvar-se eles mesmos, ou só esperar a intervenção de Deus. Em vez disso, viram que Deus os tinha colocado em seus postos com um propósito, assim aproveitaram o momento e atuaram. Quando estiver a nosso alcance salvar a outros, devemos fazê-lo.

Creio que você vai gostar também E-book Efeito Salvação

Até a próxima! Que Deus te abençoe.

Siga-me nas redes sociais:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *