Mensagem Migalhas - Sermão com Pastor Marcio Junior

Migalhas

Vendo além da figueira
Vendo além da figueira
20 de agosto de 2019
5 Livros que todo cristão deveria ler!
20 de agosto de 2019

Migalhas

Sermão

A mulher era Siro-Fenícia do texto de Mc 7:24;22, não era judia, portanto não era conhecedora nem muito menos cumpridora da lei de Deus, não servia ao Senhor, era uma pecadora. Mas ela teve um encontro com Jesus e sua vida mudou, as migalhas esperadas foram muito mais do que pensava.

21 E, partindo Jesus dali, foi para as partes de Tiro e de Sidom.  22 E eis que uma mulher cananeia que saíra daquelas cercanias, clamou, dizendo: Senhor, Filho de David, tem misericórdia de mim que minha filha está miseravelmente endemoninhada.23 Mas ele não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, chegando ao pé dele, rogaram-lhe, dizendo: Despede-a, que vem gritando atrás de nós. 24 E ele, respondendo, disse: Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. 25 Então chegou ela, e adorou-o, dizendo: Senhor, socorre-me. 26 Ele, porém, respondendo, disse: Não é bom pegar no pão dos filhos e deitá-lo aos cachorrinhos. 27 E ela disse: Sim, Senhor, mas também os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus senhores. 28 Então respondeu Jesus, e disse-lhe: Ó mulher! Grande é a tua fé seja isso feito para contigo como tu desejas. E desde aquela hora a sua filha ficou sã.

 Mateus 15:21-28

Mesmo não sendo judia ela sabia quem era Jesus, quando o aborda o chama de Filho de Davi e reconhece o senhorio de Jesus Mc. 7:22

Reconhecimento

Ela reconhecia o seu próprio estado e o de sua filha: Tem misericórdia de mim, minha filha está miseravelmente endemoninhada. O pedido de misericórdia pela miserabilidade de sua situação é um grande sinal de quebrantamento dessa mulher.

Quando reconhecemos nossa própria condição damos o primeiro passo para que Jesus mude nossa vida. O salmista diz que Deus lembra-se que somos pó, mas nós mesmos sempre nos esquecemos disso. Salmos 103:14

Vencendo as Barreiras

Essa mulher tinha muitas barreiras para vencer, tanto barreiras internas como externas. Sua nacionalidade e distanciamento do Senhor foi a primeira barreira vencida, O Senhor havia sido enviado para as ovelhas da casa de Israel apenas, mesmo assim ela vai adiante e supera essa barreira.

O silêncio de Jesus foi à segunda barreira enfrentada por essa mulher, a indiferença proposital do mestre testava a sua fé. Muitas vezes só temos o silêncio de Deus e isso não deve nos desanimar, precisamos insistir e permanecer firmes na busca ao Senhor. Quando a resposta de Jesus é o silêncio devemos perseverar, continuar clamando v.23; As vezes nem a interseção dos apóstolos (homens de Deus) pode ajudar, a momentos que somos apenas nós e Deus e precisamos passar por eles;

A resposta negativa de Jesus aos apóstolos foi a terceira barreira vencida por essa mulher, aqueles apóstolos não podiam fazer mais nada alem do que já estavam fazendo nas suas condições atuais. Muita gente as vezes deseja nos ajudar mas nem sempre conseguem.

A resposta negativa de Jesus a mulher foi a quarta barreira que a mulher venceu, eventualmente o silêncio é quebrado mas não para uma resposta positiva como esperamos, recebemos uma resposta negativa para o que almejamos v24; Ainda assim essa mulher persiste na busca e interseção por sua filha. v.26;

Parece algo muito difícil insistir nessas condições, ela foi comparada a um cachorro, muitos desistiriam nesse momento, mas ela persistiu.

A adoração e a humildade levam ao milagre

Por fim, ela adorou ao Senhor. Sua adoração foi reverente, prostrada, humilde. Todas as barreiras foram vencidas e ela estava diante do Mestre. Socorre-me – Seu pedido de socorro é também uma forma de adoração. A mulher aceita e reconhece sua condição pecadora e foi abençoada. Humildemente aceita as “migalhas” e recebe o milagre. Afinal, uma migalha de Deus é melhor que um banquete de qualquer outra fonte.

Deus te abençoe.

Talvez você também goste da mensagem Quando Deus Chama.

Pr. Márcio Júnior

Siga-me nas redes sociais:



1 Comentário

  1. […] também vai gostar da mensagem Migalhas acesse […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *